Ascensão — An Online
Culture Related Investigation

9 — 10 Jan2021

Nos dias 9 e 10 de janeiro de 2021, após um ano complicado, a Merge e o Espaço 399 aliam-se para a criação de um evento online de foco cultural. "Ascensão — An Online Culture Related Investigation" vai ao encontro da necessidade absoluta da cultura. Serão dois dias de conversas, trocas de opinião e enriquecimento cultural, em formato online, sempre cumprindo todas as necessidades de desenvolvimento de ambos os organizadores.

CONVIDADOS

Ana Miguel Costa (1999) é uma jovem realizadora e fotógrafa, natural de Ovar. Utiliza a arte como veículo de auto conhecimento e auto exploração. Questiona temas como o medo, o amor, a sua relação com a Natureza e o tempo.

Vive e trabalha no Porto. É co-fundadora do Núcleo de Investigação PARALAXE - um projecto de criação e investigação entre a prática artística e a investigação científica, decorrendo a primeira edição no Intituto Geofísico. Integra recentemente o painel de investigadores do i2ADS da Faculdade de Belas Artes do Porto. É programadora e artista com o colectivo Rua do Sol com quem gere o espaço independente Galeria do Sol, no Porto. É representada pela Galeria sala117. Em 2020 apresentou no Porto a exposição individual A Corrida, na Galeria sala117, participou no número 4 da Revista DOSE (março, 2020) e destaca a participação na exposições coletivas: Lançamento da revista Dose no 5, na Balcony em Lisboa; Via Aberta no Mota Galiza, Porto; e Poético ou Político?, Mupi Gallery/Maus Hábitos, nas ruas da Cidade do Porto (2020).

Destaca ainda outras as exposições individuais como X, Mupi Gallery - Maus Hábitos, Porto (2018); Foge-se em grupo porque assim se foge melhor, Galeria SALA 117, Porto (2017); Estado Crítico, Lugar do Desenho / Fundação Júlio Resende, Gondomar (2014). Participa em exposiç ões colectivas desde 2009 destacando: O caminho que corre pelo silê ncio, Espaç o Mira, Porto (2019); I will take the risk, Tomaz Hipó lito Studio, Lisboa (2019); Problemáticas do Lugar, Silo-Espaço Cultural, Porto (2019); A Política das Imagens, Mupi Gallery/Maus Hábitos, Guimarães (2019) e Variations Portugaises, Abbaye Saint Andre, Centre d’art contemporain, Meymac, França (2018). Participou nas seguintes residências artísticas: PARALAXE, Instituto Geofísico da U.P., V.N. Gaia (2020); InResidence - residência de dança contemporânea com a Noé Dance Studios, Gerê s (2020); Encontratre, Amares (2019); Círculos, Associaç ão Luzlinar e Projecto Pontes, Feital (2018); Apneia, Maus Hábitos/ Cooperativa Árvore, Porto (2016); Av. Espaço Montepio, antigo banco Montepio, Porto (2016) e Residence Croiseé, Maus Hábitos/Les Artistes en Résidence, Clermont-Ferrand, França (2016).

O Chill Coletivo consiste numa amálgama de estímulos em fluxo incessante cujo resultado foi batizado “Atividade Constante”. Um projeto com pouco mais de um ano, que teve início no final do verão de 2019 com a intenção de criar um local seguro onde os membros integrantes pudessem esquentar as expressões que provêm de um processo criativo focado na espontaneidade, traduzindo os pensamentos mais primitivos diretamente para o seu objeto finalizado. O coletivo trabalha com vários meios de expressão artística como a fotografia, desenho, colagem, instalação, vídeo, ilustração e música/composição sonora. Concluindo, o engenho criativo não pode ser inibido e procuramos maneiras eficientes de desconstruir técnica, tecnologia e intelecto no âmbito de alcançar o expoente máximo da Atividade.

Nasci numa casa onde se comunicava por símbolos. Fora de casa os símbolos eram outros e quando iam de férias eram um misto entre os dois. Descobri então que o desenho é universal, e se ainda hoje com 34 anos o faço diariamente é porque aquilo que faço faz-me ou rir ou chorar. Pedi a nove amigos para realizarem um trabalho em cima deste muro que me é tão querido como outro qualquer pois quando desenho nunca o faço sozinho e é por não o fazer sozinho que qualquer muro/folha de papel/cartão/pedaço de contraplacado marítimo/estátua me é tão querido como este.

PROGRAMAÇÃO

09Jan 10Jan
11:00 Ana Miguel Costa
Bloqueio Criativo e Medo de criar
Luísa Abreu
Movimento, do corpo, palavra e desenho, numa pesquisa recente em dança
15:00 Chill Coletivo
Criação de conteúdo ao vivo
João Gastão
9 artistas a intervirem digitalmente no mural do João Gastão
09Jan
11:00
Ana Miguel Costa
Bloqueio Criativo e Medo de criar
15:00
Chill Coletivo
Criação de conteúdo ao vivo
10Jan
11:00
Luísa Abreu
Movimento, do corpo, palavra e desenho, numa pesquisa recente em dança
15:00
João Gastão
9 artistas a intervirem digitalmente no mural do João Gastão

EQUIPA

Equipa Merge — The Social Magazine

Direção André Silva // Sofia Coutinho
Gestão Adriana Rocha
Comunicação Sofia Coutinho
Design Gráfico Mariana Fidalgo // Sofia Coutinho
Web Design Joana Franco // Sofia Coutinho
Motion Graphics João Ventura

Equipa Espaço399

Curadoria Beatriz Chaves // Beatriz Lopes // Márcia Pessoa // Samuel Vilanova

TICKETS

Reserva aqui o teu bilhete

Receberás as informações sobre o pagamento no teu email.